Skip to content

Cruzeiros 2021 terão leitos ofertados

Atualizado em: 18 fev, 2021

O setor de cruzeiros já trabalha para a retomada em águas nacionais e os números para a temporada 2021 e 2022, que tem a previsão de começar no dia 31 de outubro de 2021 e terminar em 19 de abril de 2022, refletem esse cenário positivo. Ao todo serão sete embarcações responsáveis por ofertar 566.280 leitos totais (cerca de 36 mil a mais que na temporada 2019/2020, que contabilizou 530 mil acomodações).

Entre os navios da temporada estão: Costa Toscana (6,554 leitos), Costa Favolosa (3.800 leitos), MSC Orchestra (3.223 leitos), MSC Preziosa (4.325 leitos), MSC Seaside (5.429 leitos), MSC sinfonia (2.679 leitos) e MSC Splendida (4.363 leitos), que levarão cruzeiristas apaixonados pela navegação e tantos outros que viverão essa experiência pela primeira vez por 129 roteiros.

Ao todo, serão 552 escalas em destinos muito procurados pelos brasileiros, como Rio de Janeiro, Santos, Salvador, Angra dos Reis, Balneário Camboriú, Búzios, Cabo Frio, Fortaleza, Ilha Grande, Ilhabela, Ilhéus, Itajaí, Maceió, Porto Belo, Recife e Ubatuba, além de Buenos Aires, Punta del Este e Montevidéu.

Alguns pontos importantes consideram a temporada nacional, ocasionando a retomada da navegação em diversas partes do mundo, como Itália, Cingapura, Taiwan, Japão, Taiti e Ilhas Canárias, que mostram que os robustos protocolos da CLIA Internacional.

Novos protocolos de cruzeiros

Embarque – Teste pré-embarque em todos os hóspedes com triagem rigorosa. Tripulantes com três testes antes do embarque e a cada semana a bordo.

Procedimentos a bordo – Uso de máscaras, distanciamento, menor ocupação, ar fresco sem recirculação, desinfecção e higienização constantes. 

Saúde a bordo – Plano de contingência, corpo médico especialmente treinado para avaliações constantes, monitoramento contínuo por dispositivos pessoais e pela tripulação treinada,  estrutura com todos os modernos recursos para atendimento dos hóspedes e tripulantes.

Excursões – Protocolos especiais, coordenação com os municípios, cancelamento do reembarque para hóspedes que não cumprem as regras.

No Brasil, esses mesmos protocolos seguem em processo de aprovação.

O compromisso com o meio ambiente também merece destaque neste momento de retomada das atividades. Mesmo durante a pandemia, os associados CLIA já investiram 23,5 bilhões de dólares em novos navios com novas tecnologias e combustível mais limpo para reduzir as emissões de carbono. A meta é reduzir em 40%, até 2030, as emissões de carbono, comparadas com 2008. Serão mais 24 Navios movidos a GNL (gás natural liquefeito) até 2027. 

“Os números da próxima temporada refletem como as companhias de cruzeiros continuam acreditando no Brasil, investindo e trazendo navios modernos que vão garantir as melhores experiências, respeitando a saúde e segurança dos nossos hóspedes, tripulantes e das cidades que visitamos, sempre cumprindo as regras e protegendo o meio ambiente”, disse Marco Ferraz, presidente da CLIA Brasil.

PARCEIROS

Malu Lutfi

Malu Lutfi

No comment yet, add your voice below!


Adicionar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

illust_bag2

Assine a nossa newsletter

e receba tudo em exclusividade :)

Assine a nossa newsletter

e receba tudo em exclusividade :)

CONTATO

Caso seja de sua preferência nos envie um email para [email protected] e teremos o maior prazer em te responder.